Retegui

Depois de recentemente ter visitado Vila Viçosa, conhecida pelo mármore, voltei para Lisboa a pensar que é muito raro ver esta pedra utilizada de forma elegante e com um design contemporâneo. Alguns dias depois, descobri a Retegui e fiquei impressionado pela magnífica colecção de mobiliário e acessórios em mármore. Remontando a 1939, quando Laurent Bergez abriu uma oficina de pedras funerárias em Saint Jean de Luz, Pirenéus Atlânticos, a Retegui é actualmente dirigida pelo seu neto Claude Retegui e a evolução desde a sua fundação não poderia ser mais impressionante.

Conjugando tradição e décadas de experiência com uma inovadora tecnologia 3D para esculpir mármore, a Retegui desenvolveu técnicas que permitem diminuir a espessura da pedra consideravelmente, mantendo no entanto a sua solidez e resistência.

Estes processos permitem conjugar o mármore com materiais compostos, incluindo núcleos em alumínio com forma de favos de mel, fibra de vidro ou de carbono. Desenhada por Jean Louis Iratzoki, a colecção inclui as mesas Arin, que escondem por detrás da sua simplicidade e leveza um complexo processo de fabrico; as elegantes prateleiras Egala, excelentes para expor objectos, fotografias e quadros; a mesa de apoio Petra, esculpida de mármore maciço, uma perfeita ilustração do design concebido com matéria-prima em bruto; e os tabuleiros Domo e Batela, perfeitos em qualquer mesa!

RETEGUI2

RETEGUI3

RETEGUI4

RETEGUI5