Barbearia Campos

This post is only available in portuguese.Já há algum tempo que andava para cortar o cabelo na Barbearia Campos e foi com um descontraído 'quero um desbaste' que entrei no emblemático local. Tendo sido recebido por um barbeiro, que pela idade indiciava estar ali há pouco tempo, fui encaminhado para uma daquelas cadeiras que estão no imaginário de todos nós. Depois de me sentar e ter sido convenientemente apetrechado com um longo pano à volta do colarinho, imaginei as ilustres figuras que se poderiam ter sentado na minha cadeira. Desde Eça de Queirós e Almeida Negreiros até ao Rei Humberto II de Itália, a Barbearia Campos é um marco incontornável da história da capital desde 1886. Em jeito de homenagem à arte de bem aparar cabelos e enrolar bigodes, a barbearia transformou-se numa espécie de museu vivo, onde escovas desgastadas pelo tempo, uma antiga máquina de engomar e embalagens de produtos de outrora convivem com os cortes de hoje em dia. Voltando ao corte de cabelo, gostei imenso da experiência, da minúcia de todos os procedimentos e da calma com que tudo se desenrola. Para além disso, o corte foi apenas €11.50, recomendo vivamente! Barbearia Campos Largo do Chiado 4 Lisboa